Clicky

Daniel Duarte - bigmac

Quem é o bigmac? Um apaixonado por tecnologia e inúmeras outras coisas, como fotografia, aeromodelismo, paintball e outros hobbyes baratinhos. Largo conhecimento no ramo de informática, formado Técnico em Manutenção Aeronáutica - CREA. Nascido no Rio de Janeiro onde ganhou este apelido, após uma competição de quem comia o maior número de bigmac´s, sagrando-se vencedor após o 7º sanduba. Atualmente mora em Araraquara, interior de SP.

Na sua história oque veio primeiro: O Modding ou a CasemodBR?

O Modding. Em meados de 98, cansado de ver a cara do msm gabinete há alguns anos e na época fazendo um curso de aerografia, peguei a sobra de algumas tintas e pintei o gabinete, pouco me importando com acabamento ou algum desenho, resultando mais em uma obra abstrata que no final das contas, uma arte muito agradável, até mesmo pela combinações de cores. Como na época não fazia idéia nem do que era Modding, não registrei esta obra.

Conte um pequeno resumo da sua tragetória na CasemodBR.

Descobrí o que era Casemod e a CasemodBR ao mesmo tempo e passei a me interessar abruptamente, como quem descobre a puberdade, conciliando meu trabalho com navegar na net e na CasemodBR. Como tudo era novo, tinha sede de informação e de compartilhar informação e nessa, tomei meu primeiro cartão amarelo, após muitos posts. Retruquei muito na época, por achar que a maioria tinha conteúdo mas a administração rígida, característica da CasemodBR, se mostrou mais vanguardista e fonte do que é a credibilidade que tem hoje. Após algum tempo, por bom comportamento e por estar sempre ajudando no forum, removeram o cartão amarelo e me convidaram para a Moderação do fórum. Com o afastamento do Fernando (O100FACE), a administração ficou necessitada e após novo convite, me juntei ao time do qual faço parte hoje, jundo com meu querido amigo Alexandre Nuccini.

Quem são os modders que você admira (ou se inspira), e porque?

Admiro muitos colegas do forum, desde grandes projetos a pequenos e singelos projetos, pois o que levo em consideração é o espírito Modder do indivíduo, que levou o cara da necessidade ao resultado. Não listarei nomes para não correr o risco de esquecer alguém e parecer deselegante, mas muitos podem se considerar elogiados.

Cite uma alegria e um desgoto relacionado ao Modding?

Os encontros regionais, onde fiz muitos amigos e a Campus Party, que foi um marco, um divisor de águas para o Modding no Brasil. Desgosto é a ganância e a vaidade de certas pessoas que só fizeram mal ao Modding.

Qual a importância da Campus Party para o Modding?

O Modding é muito específico, diferente de Games que é mais geralzão e todo mundo gosta. Modding não, o cara além de gostar tem que ter a coragem ou a vontade de modificar algo, e invariavelmente, arcar com os custos disso. Dessa forma, só é vista por quem procura, não está em qualquer vitrine ou em qualquer site, ou programa de TV, talvez um comercial, não! E a Campus Party, por ser um evento que engloba diversos assuntos e a maioria relacionados à tecnologia, aproxima pseudos modders à arte, ou seja, gente que desconhecia o assunto e que esteja pretensa a realizar a arte, além de mostrar para as grandes marcar que nós existimos sim, e somos formadores de opinião!

Para oque(ou quem) você daria um cartão vermelho e por que?

Pra vaidade! Tem muito modder que se acha mais do que é por aí, assim como em diversos segmentos.

Como foi a experiência de ter viajado para a Espanha graças ao Modding?

Pode-se dizer que não viajei para a Espanha e sim para a Campus Party Espanha, pois saí apenas 1 dia do centro de convenções, ficando totalmente bitolado no evento, o que foi magnífico. Tanto pelo aprendizado de uma nova cultura, como também ter uma noção tecnológica diferente, além de ter servido para ganhar um pouco mais de auto-confiância na comunicação em outro idioma.

Você acredita que o Modding esteja acabando?

Acabando não, pois se estivesse, os fabricantes estariam produzindo peças semelhantes, assim como ocorria há anos atrás, o que não é a atual realidade, há uma competição muito grande mas acredito que o tema esteja estacionando, assim como aconteceu com os periféricos, quando se criou uma facilidade de comunicação (plug-and-play) brotaram periféricos e depois de um tempo, sem ter muita coisa pra inventar, as novidades se davam apenas por modelos novos e não periféricos novos e algo semelhante deve acontecer com o Modding, o “Buumm” já passou, e logo vamos entrar nesse ciclo de modelos novos e esporadicamente, algo novo. Mas o Modding tem vida longa, afinal cada um tem um gosto e isso se reflete no comportamento, nas vestimentas, no dia-a-dia, e claro, no computador!

Quais conselhos poderia dar para o pessoal que está conhecendo agora esse hobby e pretende fazer o seu ?

Leia, procure e se informe. O forum da CasemodBR tem quase 10 anos e ao longo desse tempo muitas pessoas já passaram pelas mais diversas experiências e resultados, de maneira que isso ajuda a todos nós a aprimorar nosso trabalho.

blog comments powered by Disqus